Negócios03/04/2018 às 15h00

Ações do Spotify sobem 22% no início da tarde de terça, 3

Isabel Butcher

Com o preço de referência a US$ 132 por ação, o dia na Bolsa de Nova Iorque começou animado para os investidores do Spotify. Às 12h53, horário de Nova Iorque, as ações já tinham subido para US$ 161,44, ou seja, valorização de 22%. Com base no número total de ações em circulação após a listagem, o Spotify passou a ter um valor de mercado de cerca de US$ 28,7 bilhões.

A empresa sueca optou por uma abertura ao mercado pouco convencional. E, por conta desse movimento, muitos especialistas estão de olho para saber se a estratégia será bem-sucedida ou não, já que outras empresas de tecnologia também pensam em fazer o mesmo.

O Spotify resolveu fugir da Initial Public Offering (IPO) e não oferecer mais ações. Em vez disso, as ações detidas pelos investidores privados da empresa estão sendo vendidas. É a chamada listagem direta, uma rota normalmente tomada por empresas de pequena capitalização, geralmente em biotecnologia e ciências da vida.

Trata-se de uma alternativa menos dispendiosa que um IPO, em que a empresa vende ações diretamente para o público sem intermediários, mas também significa desvantagens, como nenhum apoio comercial dos banqueiros. Analistas disseram que a natureza da listagem pode levar à volatilidade das negociações, embora em negociações informais na terça-feira, o preço da ação tenha subido.

Notícias relacionadas