Comércio móvel03/10/2017 às 10h52

31% dos brasileiros que compram pelo celular preferem pagar com boleto bancário

Fernando Paiva

Pouco mais da metade dos brasileiros que compram mercadorias físicas pelo celular preferem fazê-lo usando seu cartão de crédito, ou 52%, para ser exato. E 31% deles dizem que seu meio de pagamento favorito para compras em apps e sites móveis é o boleto bancário. Outros 14% têm preferência pelo uso de carteiras digitais, como PayPal e Pagseguro. É o que revelam os resultados preliminares da nova pesquisa Panorama Mobile Time/Opinion Box sobre comércio móvel no País, que foram apresentados em palestra na Futurecom nesta terça-feira, 3.

Esta foi a primeira vez que a pesquisa averiguou o meio de pagamento preferido dos compradores móveis no Brasil. Chama a atenção a alta preferência do boleto bancário, talvez em decorrência da baixa penetração de cartão de crédito no Brasil ou por receio quanto à segurança. O problema é que nem todos os apps de comércio móvel oferecem a opção de pagamento por boleto e nem sempre aqueles o processo é fácil e amigável. Também merece destaque o percentual de 14% de usuários que preferem usar carteiras digitais, possivelmente pelo conforto e segurança, pois não precisam digitar o número do cartão, além de o pagamento acontecer no ambiente seguro da solução de carteira digital.

Navegação gratuita

Outra descoberta importante da nova edição da pesquisa é que 81% dos consumidores móveis brasileiros afirmam que a oferta de navegação gratuita faz diferença na escolha do aplicativo onde fazem as suas compras. Alguns varejistas já trabalham com essa solução, como MercadoLivre, Netshoes, Magazine Luiza e Privalia. Seus usuários podem navegar à vontade dentro dos respectivos aplicativos sem serem descontados da franquia de dados de suas operadoras celulares.

Satisfação

Em um ano, a proporção de internautas brasileiros que já fizeram compras de mercadorias físicas através de app ou site móvel ficou estável em 71% – o grande salto aconteceu um ano antes, entre setembro de 2015 e setembro de 2016, quando aumentou 30 pontos percentuais. Embora a base não tenha crescido, quem já experimentou está comprando mais pelo celular do que fazia antes. 75% dos compradores móveis afirmam que atualmente compram mais pelo celular do que faziam seis meses atrás.

De um modo geral, os compradores móveis brasileiros estão satisfeitos com a experiência de compra pelo celular. 84% dão notas 4 ou 5, em uma escala de 1 a 5, para a sua satisfação com m-commerce no Brasil. 13% dão nota 3. E apenas 3% estão insatisfeitos e deram notas 1 ou 2.

O relatório final, que inclui o ranking dos apps mais usados para compras de bens físicos no Brasil, será divulgado ainda este mês no site www.panoramamobiletime.com.br. A pesquisa foi feita ao longo do mês de setembro com 1.426 pessoas do Brasil inteiro. O estudo tem validade estatística, com grau de confiança de 95% e margem de erro de 2,2 pontos percentuais.