Comércio móvel07/10/2014 às 12h23

Cresce a proporção de brasileiros que fazem compras pelo celular, indica pesquisa

Da Redação

A proporção de brasileiros donos de smartphones e/ou tablets que já fizeram alguma compra através de dispositivos móveis subiu de 57% para 70%, entre junho de 2013 e junho de 2014. É o que indica uma pesquisa encomendada pela Pagtel e realizada pela Mobi.life com 480 pessoas de todas as idades e do país inteiro, dentre as quais 96% possuem smartphone; 54% possuem tablets; e 50% possuem os dois aparelhos.

Na pesquisa, foram consideradas tanto compras de bens físicos, quanto de serviços ou de itens digitais, como aplicativos móveis. Dentre aqueles que afirmaram já terem feito compras ou pagamentos pelo seu dispositivo móvel, os canais mais comuns foram: site de lojas (60%); serviços intermediários, como Buscapé, PayPal e PagSeguro (37%);  lojas de aplicativos, como App Store e Google Play (32%); apps de m-commerce (24%); e SMS (10%) – neste último caso, contou a compra de conteúdo por mensagem de texto, como horóscopo e alerta de gols.

O PC, contudo, ainda é a ferramenta favorita para compras dos brasileiros que possuem smartphones e tablets. Segundo a pesquisa, 92% dos entrevistados disseram ter o costume de comprar com alguma frequência através do PC; enquanto somente 26% o fazem com pelo celular e 21%, por meio de tablets. A sensação de falta de segurança e o layout não apropriado para visualização em celulares estão entre as principais razões apontadas por aqueles que ainda não têm o costume de comprar em dispositivos móveis.

Entre os produtos considerados mais adequados para a compra ou pagamento móvel, foram citados pelos entrevistados: ingressos (61%); conteúdos virtuais (55%); eletrônicos (52%); produtos culturais como livro, CD e DVD (47%); delivery de comida (44%); dentre outros.