Segurança11/05/2017 às 16h11

Banco Neon adota pagamento online com selfie

Henrique Medeiros

O Banco Neon (Android, iOS) e a Visa apresentaram nesta quinta-feira, 11, uma tecnologia que permite aos correntistas do banco autenticar um pagamento no comércio eletrônico (e-commerce) por meio de selfie, algo que pode substituir a senha do cartão ou o leitor biométrico de celular para concretizar a compra de um produto ou serviço.

Todos os 100 mil correntistas do banco digital poderão cadastrar suas fotos via app e utilizar a função de selfie a partir de agora, uma vez que a tecnologia já estava embarcada no app do Neon. A função abrange os clientes que possuem cartão Visa e funciona para o cartão de crédito virtual que está atrelado à conta do Neon.

Questionado se o foco da tecnologia é o público mais jovem, Pedro Conrade, CEO da instituição bancária, afirma que embora 75% de seus clientes tenham menos de 34 anos de idade, eles pretendem levar a experiência virtual para os outros 25%. O Banco Neon é o primeiro da América Latina a utilizar essa tecnologia, afirma o executivo.

Percival Jatobá , VP de produtos da Visa do Brasil, comentou que a ideia de um novo modo de pagamento direcionado à Internet condiz com os dados divulgados pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) na última quarta-feira, 10, em que as transações bancárias por meio de celulares cresceram 96% no último ano, além do registro de mais de 1 milhão de contas digitais em atividade no País. 

“Se pararmos para pensar, entre 15 e 20 anos atrás ainda existia o reco-reco (máquina de cartão carbonada e sem conexão) e o livro cartão (para confirmar se o cartão é válido). Avançamos muito com o meio de pagamento eletrônico desde então”, lembra o VP da Visa. “A indústria de pagamentos teve que mudar, pois as pessoas começaram a consumir na Internet e precisam de segurança. Nós buscamos uma forma segura para garantir compras no ambiente online, como o padrão Visa 3D Secure (3DS)”.

Como pagar?

A autenticação por selfie só é ativada quando um comerciante não se sente seguro de uma transação. Por exemplo, quando um cliente faz uma compra com valor acima de seu perfil consumo. Ou seja, não é em toda transação que a selfie será requisitada. Quando pedida pelo e-commerce, a Visa recebe a solicitação e envia ao Neon. Por sua vez, o banco envia uma notificação push perguntando se ele realmente fez a compra. Então, o correntista tem a opção de confirmar a compra com senha, leitor biométrico do celular ou selfie. Se optar pela pela selfie, o app abre na tela de reconhecimento facial, o cliente enquadra seu rosto e pisca os olhos para confirmar a compra. Após o término do processo – que leva alguns segundos –, uma mensagem é enviada para o celular do consumidor confirmando a compra.

Segurança

A nova plataforma de pagamento utiliza a tecnologia de reconhecimento biométrico por face e os padrões de segurança do 3DS. E o app do Banco Neon possui um próprio sistema de tokenização para dar segurança ao usuário. “Tanto que o usuário só pode ter a função de selfie habilitada em um celular. Ele não pode tirar o chip telefônico (SIM card) e colocar em outro dispositivo que não vai funcionar”, completa.

O CEO do Neon explica que a foto não fica armazenada no app, nem nos servidores da Visa e nem naqueles do Neon. A solução usa 80 pontos de reconhecimento de face que são traduzidos para um algoritmo. Esse algoritmo é enviado ao banco de dados do Neon para confirmação toda vez que a autenticação com selfie é usada. O app percebe se o local está com pouca luminosidade para reconhecer o usuário e pede para ele tirar óculos, chapéus e bonés para evitar falhas na identificação.

Outra novidade que é utilizada para tranquilizar o e-commerce é que o cashback - quando o cliente não fez a transação por algum erro ou fraude - é cobrado do banco e não apenas do comerciante. De acordo com a Visa, 40 mil comércios eletrônicos podem solicitar a autenticação em compras dos correntistas do Neon.