Internet das coisas14/02/2018 às 15h01

Qualcomm anuncia solução para gerenciamento remoto de objetos conectados

Fernando Paiva, de San Diego*

Um dos maiores desafios no nascente mercado de Internet das Coisas (IoT) está no desenvolvimento de soluções capazes de gerenciar e atualizar objetos conectados que tenham um longo ciclo de vida, geralmente de dez anos ou mais. A Qualcomm acaba de anunciar uma solução com esse objetivo, a Qualcomm Wireless Edge Services, compatível com aparelhos que tenham os chipsets MDM9206, MDM9628 e QCA4020, todos criados pela fabricante. Trata-se de um conjunto de softwares seguros que permitem o provisionamento remoto de atualizações e integração com diversos serviços a objetos conectados.

"Geralmente os chipsets de IoT não têm essa flexibilidade, o que dificulta as empresas a escolherem qual comprar", explicou Serge Willenegger, vice-presidente sênior e gerente geral para 4G/5G e IoT industrial da Qualcomm, em evento para jornalistas em San Diego na semana passada.

Empresas como Alibaba, Baidu, Quectel, Simcom e Sunsea estão comprometidas a experimentar a novidade.

SDK

Ao mesmo tempo, a companhia apresentou um SDK (software development kit) para o desenvolvimento de soluções de IoT para o seu chipset MDM9206. O objetivo é facilitar que fabricantes de produtos, desenvolvedores e novos entrantes no mercado de IoT possam criar soluções compatíveis com seu processador.

*O jornalista viajou para San Diego a convite da Qualcomm