Serviços móveis15/08/2017 às 15h27

GoDaddy cria operadora virtual OTT nos EUA

Fernando Paiva

A GoDaddy, empresa conhecida pela sua plataforma de construção de páginas web para pequenas e médias empresas, agora oferece também um serviço de telefonia corporativa nos EUA. A empresa virou uma espécie de operadora virtual over the top (OTT) que funciona através de um app em Android e iOS.

A proposta é servir uma segunda linha para uso profissional a micro e pequenos empresários. Essa segunda linha é um número fixo nos EUA, mas sua gestão é feita através de um aplicativo especial no smartphone do usuário. Não há necessidade de comprar um segundo chip, muito menos um segundo telefone celular. O usuário passa a gerenciar duas linhas em seu smartphone: a sua linha móvel pessoal (esta com SIMcard tradicional) e outra fixa para uso corporativo (sem necessidade de SIMcard).

O cliente primeiro escolhe o seu número fixo pelo site do serviço, onde realiza também seu cadastro. Depois baixa o app, se loga e associa o novo número à sua linha móvel pessoal. Não há assinatura de contrato. Basta escolher um dos dois planos disponíveis: US$ 3,99/mês por 100 minutos ou US$ 9,99/mês com minutos ilimitados. Um detalhe importante: a realização e o recebimento de chamadas acontecem através da rede celular e consomem o plano de minutos da linha móvel do cliente. No entanto, o número que aparece para quem se comunica com o usuário é o fixo provido pela GoDaddy, não o celular de uso pessoal.

A proposta da solução da GoDaddy é permitir que micro e pequenos empresários separem melhor a sua atuação pessoal daquela profissional. Pelo app é possível definir horários para recebimento de chamadas, como, por exemplo, o período comercial. Qualquer ligação fora desse horário cai direto na caixa postal. As mensagens de voz, aliás, são transcritas para texto automaticamente e enviadas para o usuário.

Análise

A solução da GoDaddy não pode ser classificada como uma solução de VoiP, como as chamadas de voz do WhatsApp ou do Viber, porque não usa a rede de dados, mas efetivamente a rede celular das operadoras. Tampouco é uma operadora móvel virtual (MVNO) porque não há um acordo entre a GoDaddy e uma operadora móvel para uso da rede, nem mesmo há um SIMcard com um novo número móvel – na verdade, se trata de um número fixo. Por isso, talvez a melhor a definição seja de “operadora virtual over the top”. É um serviço de telefonia que roda sobre a rede móvel com um número próprio (fixo), mas sem SIMcard e sem um contrato comercial entre a GoDaddy e as operadoras móveis.