5G

Começaremos pelo 5G NSA, diz diretor da Vivo

Operadora começará com non-standalone por uma questão de maturidade e pela oferta de dispositivos, explica Átila Branco, diretor planejamento e tecnologia da empresa

Congresso vai discutir impacto do 5G no Brasil

Foram convidados para audiência pública, ainda sem data definida, representantes da Anatel, da Huawei, da Qualcomm, da Ericsson, do Google, da Abratel e do Coletivo Intervozes

AT&T confirma ‘5G puro’ para 2020

Atualmente, rede de quinta geração usada ao redor do mundo é non-standalone (NSA 5G), padrão que precisa de complementaridade do 4G

MCTIC prevê leilão 5G apenas no segundo semestre de 2020

Além da interferência que o serviço móvel em 3,5 GHz pode gerar na recepção por satélite em banda C, o entendimento dos próprios players da indústria quanto ao melhor momento para o certame também tem influenciado a definição de uma data

Carregando