21 LogisticaDelivery

O Programa Motofretista Seguro, do Detran-SP, lançou uma opção de linha de crédito para esses profissionais comprarem motos elétricas. De acordo com comunicado apresentado nesta terça-feira, 15, o financiamento ocorre por meio de convênio com o Banco do Povo Paulista e permite acesso a montantes de:

– R$ 21 mil com pagamento em 36 meses e juros de 0,35% e 1% do valor do empréstimo como taxa de manutenção do fundo;

– R$ 15 mil para pessoa física com 24 parcelas mensais, 1% de juros ao mês e 1% do valor do empréstimo como taxa de manutenção do fundo.

Para acessar o crédito do Detran-SP, o motofretista necessita comprovar que trabalhará com serviços, como entrega, por exemplo, e precisa ter concluído o curso de 30 horas de especialização de motofrete.

A relação de documentos a serem apresentados e o local de envio dos papéis está disponível no site do Empreenda Rápido.

Vale lembrar, o motociclista precisa de carteira de habilitação da categoria A para dirigir as motos elétricas. E a linha de crédito é apenas para trabalhadores, não é endereçada para uso próprio ou lazer.