[Texto atualizado em 09/06/2021, às 20h23, após declaração do presidente do Conselho Gestor do Funttel]

O Conselho Gestor do Funttel (Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico das Telecomunicações) publicou nesta quarta-feira, 9, no Diário Oficial da União, a agenda de modernização normativa e da estrutura de governança do fundo para o biênio 2021-2022, que deve entrar em vigor em julho.

São 20 compromissos publicados com seus respectivos prazos de cumprimento. A proposta de resolução de transferência de recursos para o CPqD (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações), por exemplo, ficou marcada para junho de 2022. No final de maio, já havia sido publicado o plano de aplicação destes recursos para o centro de pesquisa, em um valor total previsto de R$ 45,25 milhões.

Os repasses de recursos aos agentes financeiros do Funttel, na modalidade reembolsável, serão feitos em setembro de 2022. Já a política de gestão de riscos do fundo ficou agendada para dezembro de 2022.

“O fundo passa a contar com planejamento estratégico organizado em objetivos de forma com que se possa avaliar e monitorar os resultados por meio de indicadores de desempenho”, afirmou José Afonso Cosmo Júnior, presidente do Conselho Gestor do Funttel.