O Samsung Pay, serviço de pagamentos móveis da Samsung, completa neste fim de semana dois anos de operação no Brasil. A empresa não divulga números absolutos da sua base, mas sim os percentuais de crescimento ao longo dos últimos 12 meses: o número total de usuários aumentou 433%; o número de cartões registrados, 313%; a base de usuários ativos mensais, 201%; e o volume de transações diárias, 1.400%.

O Samsung Pay permite que o smartphone faça as vezes de cartão de crédito ou de débito em compras presenciais, por meio das tecnologias NFC ou MST. Esta última emula a passagem de um cartão com tarja magnética, o que faz com que o Samsung Pay funcione em praticamente todas as máquinas de POS, mesmo aquelas mais antigas e sem NFC. Mais recentemente o serviço passou a ser aceito também para pagamentos remotos na Internet em alguns sites parceiros, por meio da emissão de um token enviado para o celular do usuário.

O aplicativo do Samsung Pay é compatível com 21 diferentes modelos de smartphones e três smartwacthes da Samsung. O serviço está integrado com 11 bancos que operam no Brasil.

MobiShop

O head do Samsung Pay no Brasil, Paulo Cesar de Nascimento, participará de um painel sobre pagamentos móveis durante o MobiShop, seminário sobre m-payment e m-commerce organizado por Mobile Time no dia 10 de setembro, no WTC, em São Paulo. O mesmo painel contará com as presenças de Alessandro Rabello, diretor executivo de produtos da Visa; Juan Fuentes, diretor geral da PagSeguro; e Thiago Chueiri, diretor de desenvolvimento de negócios da PayPal. A agenda atualizada e mais informações estão disponíveis em www.mobishop.com.br, ou pelo telefone/WhatsApp 11-3138-4619, ou pelo email eventos@mobiletime.com.br.