Reino Unido: Suprema Corte considera vínculo trabalhista entre Uber e motoristas

O relator do processo, Lorde Legatt, citou cinco pontos que caracterizariam a relação trabalhista entre o aplicativo e os condutores