Juno torna-se instituição de pagamento

Depois de transacionar R$ 500 milhões em 12 meses, empresa recebe a chancela do Banco Central