34 publicidade

Os gastos com campanhas de publicidade para instalação de aplicativos no Brasil cresceram 125% no primeiro trimestre de 2021 ante o mesmo período no ano passado, de US$ 275 milhões para US$ 619 milhões, informou a AppsFlyer em relatório divulgado nesta quarta-feira, 4.

Por categoria, os aplicativos de compras registraram US$ 283 milhões em campanhas, com alta de 164% em relação aos US$ 107 milhões do primeiro trimestre de 2020. Os apps de finanças aparecem na sequência, com US$ 193 milhões, crescimento de 114% contra US$ 90 milhões do primeiro trimestre de 2020.

O orçamento com campanhas em jogos cresceu 67%, de US$ 27 milhões para US$ 45 milhões. Nos aplicativos de alimentação, o aumento foi de 147%, de US$ 15 milhões para US$ 37 milhões. E nos aplicativos sociais, a AppsFlyer contabilizou US$ 15 milhões, alta de 25% ante US$ 12 milhões do primeiro trimestre de 2020.

As informações são baseadas em um relatório da companhia que mede 700 milhões de instalações de apps dos primeiros trimestres de 2019, 2020 e 2021. A empresa monitora instalações de 3 mil aplicativos com ao menos 5 mil instalações não-orgânicas.

Custo

A AppsFlyer revelou que o custo por instalação (CPI) aumentou influenciado pela pandemia do novo coronavírus. A principal alta foi nos aplicativos de compras, com 78% de incremento e US$ 2,4 de CPI médio por app. Ainda vale destacar os aumentos de preços em aplicativos de alimentação (63%), com CPI de US$ 2, e educação (25%), com CPI de US$ 0,75.

Por outro lado, o CPI dos apps de saúde e fitness tiveram queda 8% e o custo por instalação médio ficou em US$ 0,50.

Fraude

A companhia revelou um aumento de 66% em perdas com campanhas fraudulentas de instalação de aplicativos no mesmo período investigado, de US$ 30 milhões para US$ 50 milhões. Esse incremento foi puxado pelo escalada no valor dos CPIs. Em compensação, a movimentação do mercado de publicidade por soluções de prevenção contra fraude colaborou para reduzir a taxa de fraude em instalação de apps, de 15% em 2020 para 9% em 2021.