33 Dinheiro

Ilustração: Cecília Marins/Mobile Time

A Zenvia registrou receita líquida de R$ 180,4 milhões no terceiro trimestre de 2022, incremento de 10% na comparação com o mesmo período de 2021, quando chegou a R$ 163,7 milhões. É seu melhor resultado desde a IPO. A empresa de plataforma de comunicação encerrou o período com 13.976 clientes ativos.

Destaque para o segmento SaaS, que registrou expansão de 45% no ano, com uma receita líquida de R$ 72,1 milhões. No período acumulado do ano, a receita SaaS alcançou R$ 188,5 milhões.

Em CPaaS, a Zenvia reportou receita líquida de R$ R$ 108,2 milhões no 3T22 e de R$ 393,4 milhões no 9M22.

A empresa sofreu com a concorrência no segmento CPaaS, que acabou gerando uma forte pressão de preços. Mas, de acordo com o reporte, com foco no EBITDA e geração de caixa, a Zenvia conseguiu equilibrar positivamente a queda do volume com a expansão da rentabilidade.

Em novembro, a empresa demitiu 118 funcionários, o que representa cerca de 9% do total da força de trabalho na América Latina. A Zenvia estima que as demissões deverão reduzir aproximadamente R$ 40 milhões de sua estrutura de custos em base anual a partir do ano que vem. O quarto trimestre de 2022 será impactado por R$ 5 milhões de custos relacionados a esse movimento.

No total, a liderança da companhia espera reduzir R$ 70 milhões de sua estrutura de custo em base anual.