foldaberto

O Sindicato dos Metalúrgicos de Campinas e a Samsung firmaram um acordo de férias coletivas para os funcionários da fábrica nesta sexta-feira, 27. De acordo com o site da entidade de classe, os trabalhadores ficarão fora da planta por 12 dias como forma de evitar a proliferação do novo coronavírus, a partir da próxima quarta-feira, 1º.

Vale dizer, a fábrica não operará na segunda e terça-feira da próxima semana para compensar os feriados de abril.

Com a decisão, fica afastada a possibilidade de greve na unidade fabril, localizada a 105 km da capital paulista. Como apurado por esta publicação na última quarta-feira, 25, a empresa e os trabalhadores estavam em um impasse para decidir o período de férias coletivas para os colaboradores e assim evitar uma contaminação maior da Covid-19.

Em nota enviada ao Mobile Time, a Samsung informa: “a saúde e a segurança de nossos colaboradores são nossa maior prioridade. Como medida de precaução para proteger nossos funcionários e suas famílias contra a Covid-19, decidimos suspender as operações em nossas fábricas no Brasil até o dia 12 de abril”.

O presidente do sindicato campinense, Sidalino Orsi, também foi procurado. Mas não respondeu até o final da reportagem.