Vínicius Régis, head de projetos estratégicos da Icaro Tech, apresenta conceito de hiperautomação – vital para emprego dos VEAs

A evolução dos assistentes virtuais para trabalhadores (virtual employee assistants ou VEAs, no original em inglês) de texto para voz não deve ocorrer tão sedo. Em sua passagem no Super Bots Experience, evento organizado pelo Mobile Time nesta terça-feira, 24, Vinicius Régis, head de projetos estratégicos da Icaro Tech, explicou que acredita que não será concretizada a previsão de 2019 do Gartner de um quarto das interações dos trabalhadores digitais serem via voz até 2023.

“Fizemos alguns exercícios, mas é preciso ter mais interação no VEA. O uso com voz vai demorar mais. Hoje você treina, como acontece com texto. Mas tem outras características que dificultam a interpretação, como o sotaque”, completou.

Os assistentes virtuais para o trabalhador são robôs voltados para o público interno, como técnicos de campo, áreas jurídica ou comercial. Seu emprego é para eliminar tarefas repetitivas na empresa, como abertura de chamados. Pela Icaro Tech, ele pode ser instalado em uma plataforma de comunicação usada pelo cliente (como Teams, Telegram ou Slack) com funcionamento através das intenções do empregado e com ações para ajudá-lo em seu dia a dia.

Por outro lado, o head da Icaro acredita que foi superada a projeção do Gartner de que 25% dos funcionários digitais utilizariam VEAs em texto em suas rotinas diárias em 2021: “Hoje estamos até acima desse percentual  (no Brasil). Com a pandemia, a necessidade (de digitalização) aumentou. Percebemos nas demandas dos clientes a evolução do uso da VEAs”, revelou.

No evento e sem dizer o nome das empresas, o executivo citou dois casos recentes de VEAs em texto da Icaro:

– Uma aplicação para técnico de campo no Telegram, que trouxe redução de 30% nas chamadas telefônicas para a central de operações;

– E um VEA de negociação jurídica com 100% de taxa de sucesso de acordos com o uso da ferramenta.

Régis citou o setor de telecomunicações e empresas high-techs como aqueles com mais apetite para usar os VEAs.

Super Bots Experience

A 7ª edição do Super Bots Experience, maior evento sobre o mercado brasileiro de chatbots, voice bots e inteligência artificial, começa nesta terça-feira, 24 e segue até sexta-feira, 27. Ao longo de quatro dias de programação com transmissão online, 55 executivos e especialistas participarão de painéis e palestras para debater as mais importantes tendências dessas tecnologias. Entre os participantes confirmados na agenda do evento há mais de 20 executivos C-level e fundadores de empresas.

O evento tem painéis sobre chat commerce; regulamentação de IA; consolidação do mercado brasileiro de bots; a evolução dos voice bots; novos canais para bots; e o WhatsApp como berço para startups; além de 15 palestras especiais e 10 cases. A programação completa e mais informações sobre compra de ingressos estão disponíveis em www.botsexperience.com.br ou com a equipe de eventos do Mobile Time: eventos@mobiletime.com.br / 11-96619-5888 / 11-3138-4619 (WhatsApp).