38 Uso De Apps Extra

Uma pesquisa com 1,2 mil pessoas de todo o Brasil encomendada pela 99Pay e à qual Mobile Time teve acesso com exclusividade revela que o brasileiro da Classe C está aderindo aos serviços de streaming por ser de menor custo. A pesquisa, feita em parceria com a Consumoteca, mostra que 56% dos usuários da classe C consomem streamings de vídeos em seus celulares; 51%, apps de música; e 44%, apps e sites de jogos.

O estudo, feito em setembro de 2021 e inédito no País, ainda revela diferenças de 25 pontos percentuais entre as classes A e C em consumo de cultura e lazer, como ingressos de shows, teatro, cinemas e games: 42% das pessoas da classe A acessam apps de ingresso, enquanto na classe B esse percentual cai para 26% e na C, para 17%.

A head de marketing e insights para a 99Pay, Clarissa Brasil, credita esse movimento à perda do poder de compra da classe C, que agora fica “limitada ao celular” para se divertir, acessar lazer e produtos culturais.

Por outro lado, a executiva vê um padrão de similaridade em busca de dados sobre serviços financeiras. Corrobora com a visão de Brasil o fato que 21% da classe A faz buscas sobre uso de dinheiro em carteiras digitais, um percentual bem próximo aos 18% da classe B e 19% da classe C.